acne

Acne (Espinhas)

A acne é uma das doenças de pele mais comuns. É observada comumente nos adolescentes, mas adultos e crianças também podem apresentá-la.
Apesar de não se tratar de uma doença grave, costuma causar muito incômodo, gerando transtornos, inclusive psicológicos, aos pacientes. Além disso, pode deixar marcas permanentes, interferindo na auto-estima.

Causa

  • Oleosidade excessiva da pele;
  • Obstrução dos poros das glândulas sebáceas;
  • Presença de bactérias na pele.
A acne está associada a mudanças hormonais comuns na adolescência, mas também pode estar relacionada a outras causas, como distúrbios hormonais durante a vida adulta (principalmente em mulheres), uso de determinados medicamentos, como a vitamina B, xaropes para a tosse, corticoides e anabolizantes, e de cosméticos não condizentes com o tipo de pele do usuário.

Sintomas

As espinhas se localizam, de preferência, em áreas onde a pele é mais oleosa, como rosto, peito, ombros e costas. Sendo assim, é classificada de acordo com sua gravidade:
  • Leve, onde predominam os comedões (cravos);
  • Moderada, onde predominam as espinhas (pústulas);
  • Grave, onde já existem cistos e nódulos inflamados.

Algumas
Curiosidades:

  • A ideia que a acne é causada por ácaros é falsa;
  • Também não é correto afirmar que a acne é causada ou esteja relacionada à distúrbios digestivos ou problemas intestinais;
  • É muito discutida a relação entre acne e alimentos. A tendência atual é de se acreditar que a interferência dos alimentos com a acne esteja relacionada ao excesso de carboidratos, que levam à elevação da quantidade de glicose na corrente sanguínea;
  • Muitas pessoas acreditam que o sol seja benéfico para o tratamento da acne. Sabe-se, no entanto, que os raios ultravioleta do sol apresentam inicialmente um efeito benéfico, mas posteriormente causam a piora do quadro.

Tratamento

Como a acne é causada pela somatória de vários fatores diferentes, seu tratamento deve ser direcionado para todas as possíveis causas:
  • Limpeza com produtos detergentes na forma de sabonetes, sabões líquidos e loções de limpeza;
  • Eliminação de bactérias com anti-sépticos ou antibióticos, que podem ser usados diretamente na pele ou por via oral, de acordo com indicação médica;
  • Desobstrução dos poros com esfoliantes leves e suaves, como ácido salicílico, enxofre ou peróxido de benzoíla;
  • Correção de alterações hormonais feita com hormônios em forma de pílulas anticoncepcionais;
  • Peelings que podem ser utilizados tanto para o tratamento da crise ativa, como das cicatrizes;
  • A limpeza de pele é um excelente coadjuvante no tratamento, devendo ser realizada por profissional habilitado;
  • Isotretinoína (Roacutan), medicação de uso oral, derivada da vitamina A, empregada com excelente resultado para as formas mais graves de acne.

Todas as formas de tratamento devem ser discutidas inicialmente com um profissional médico habilitado e de confiança, tendo em vista que os tipos de pele variam e os casos devem ser tratados individualmente.

Agende uma Consulta

Telefone

(11) 3660-4850
(11) 96449-0607

E-mail

dermaclinica@dermaclinica.com.br

Tire Suas Dúvidas

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
1
Olá!
Como a Dermaclínica pode te ajudar?
Powered by